09/02/2018 15:23 (atualizado em 09/02/2018 15:25)

Coluna Espaço livre

PARADOXO: Comprar uma TV 80" par assistir o BBB é o mesmo que a pessoa ter a oportunidade de viajar para qualquer lugar do mundo e escolher a Síria ou o Afeganistão!

 

PARADOXO: Comprar uma TV 80" par assistir o BBB é o mesmo que a pessoa ter a oportunidade de viajar para qualquer lugar do mundo e escolher a Síria ou o Afeganistão!

 

PESQUISA: O Instituto Datafolha divulgou, na semana passada, mais uma pesquisa com intenções de voto para Presidente da República. Sem muita novidade, a pesquisa mostrou que Lula, mesmo condenado pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), manteve a vantagem sobre os demais pré-candidatos. Em todos os cenários, Lula lidera com percentual entre 33% e 37%, e em segundo lugar vem Bolssonaro, com percentual entre 15% e 18%.

 

A grande questão é se Lula será ou não candidato. Eu penso que não será. Mas o fato é que se Lula não disputar a eleição, aí serão vários os candidatos que poderão sonhar com o segundo turno. Nenhum candidato ganhará no primeiro turno. Salvo, é claro, algum fato novo impactante.

 

Segundo o Datafolha, com Lula fora da corrida presidencial, a disputa fica entre Bolssonaro (PSC) 18%; Marina Silva (Rede) 13%; Ciro Gomes (PDT) 10%; Geraldo Alckmin (PSDB) 8%; Luciano Huck (sem partido) 8%; Álvaro Dias (Podemos) 5%.

 

Para o segundo turno, conforme a pesquisa, Lula venceria Bolssonaro, Alckmin, Marina e todos os demais concorrentes. Com Lula fora, Marina Silva seria o nome forte do segundo turno. Marina venceria Bolssonaro (42% a 32%) e venceria também Alckmin (35% a 33%).

 

Bom, nesse caldeirão que o Brasil vive em sua pior crise política e econômica, com a corrupção correndo solta em todos os níveis da política, a sociedade exige, embora eu não creio que será atendida, mas exige uma “limpeza ética e moral” na política brasileira. Diante disso, a última coisa que o Brasil precisa nesse momento é de um populista no poder. Para mim não seria nenhuma surpresa se as principais forças políticas, como o PMDB, PSDB, PT, PDT, por exemplo, se unissem em torno de uma candidatura de consenso, alguém que tenha bom trânsito e bom diálogo tanto com a esquerda quanto com a direita, como Ciro Gomes ou Álvaro Dias, por exemplo, para evitar que o Brasil caia nas mãos de um populista. E reafirmo o que eu disse aqui algumas semanas atrás: está enganado quem pensa que o Bolssonaro seja o único populista que está na corrida presidencial de 2018.

 

CIF: O Consórcio Intermunicipal da Fronteira – CIF mudou sua diretoria na semana passada. Criado em 2009, talvez o CIF seja a principal decisão política que a tri fronteira teve em sua história, permitindo a união de forças e a integração de ações. Na prática, “uma única prefeitura” para os três municípios: Barracão/PR, Dionísio Cerqueira/SC e Bom Jesus do Sul/PR, além de, extraoficialmente, Bernardo de Irigoyen, na Argentina.

 

Porém, vejo muita gente falando que o CIF “parece que perdeu aquela atuação forte e marcante que tinha, trazendo grandes obras e ações para a tri fronteira”. Mas eu penso que, embora, é claro, o CIF necessita de uma oxigenada e um novo alento, a fase de obras do CIF já passou. A função do CIF agora é se dedicar em pensar ações, investimentos, projetos e ações diversas, articular essas questões e buscar apoio e representatividade nos governos e instituições.

 

REDES SOCIAIS: O Facebook, as redes sociais, são ferramentas importantes e úteis, ninguém discute isso. Pena que o uso que a grande maioria das pessoas faz, adolescentes e jovens, principalmente, desvirtua as redes sociais. O Facebook, por exemplo, é uma grande competição para ver quem é o mais feliz, o mais lindo, o mais fotoshopado, quem mais se parece uma “pessoa de cera”, quem diz mais “amém”, quem diz mais bobagens, quem é o mais narcisista e por aí afora. Uma verdadeira exposição do corpo e ausência de inteligência.

 

E o Big Brother então? Dispensa comentários! Ou você tem cérebro, ou assiste o BBB. Os dois juntos não dá. Não combinam. Enfim, O Big Brother Brasil está aí, já há 18 anos, ensinando as pessoas a cuidar da vida dos outros e não da sua. Triste é saber que programas como esse sempre prosperam em um país onde a desigualdade social e a falta da educação imperam.

 

Mas o BBB tem uma boa dica, que poderia ser usada na nossa política. Já pensou se as nossas eleições fossem iguais o Big Brother, se a gente votasse em quem eliminar e não em quem eleger?

 

EMPREGOS: Pato Branco, sempre referência em desenvolvimento aqui na região, é um dos três municípios do Paraná que integram a lista dos 50 municípios brasileiros que mais geraram empregos com carteira assinada em 2017 (o Brasil tem 5.659 municípios). Com 2.119 empregos formais criados no ano passado, Pato Branco ocupa a 12ª posição entre os 50 mais do Brasil. Os outros paranaenses que aparecem na lista são Palotina, na 31ª posição, com 1.435 empregos criados, e Ponta Grossa, na 49ª posição, com 1.038 vagas. Os cinco primeiros são: Joinville (SC) 5.588 vagas; Aparecida de Goiânia (GO) 4.342; Bebedouro (SP) 4.203; Goiânia (GO) 3.880; São Luís (MA) 2.636 vagas.

 

CARGA TRIBUTÁRIA: Revestida de normas, regras e minúcias, a burocracia, advinda do nosso sistema tributário, pode ser, em muitos casos, mais assustadora que a própria carga tributária. Para se ter uma ideia, desde 1988, quando se promulgou a nossa Constituição, a tal “Carta Magna” vigente, foram editadas, a cada dia, 46 novas normas (46 novas normas por dia!). De 1988 até o final de 2017, foram lançadas 12 mil atualizações ao nosso sistema tributário, o que dá o absurdo de 5,8 atualizações por hora útil!

 

AEDES AEGYPTI: Dengue? Febre Amarela? Acho que isso é mais resultado da porquice da população. É só olhar todos os tipos de lixo doméstico, industrial e comercial vergonhosamente jogado por todos os lados, nas beiras de estradas do interior e nas beiras de rodovias, nos terrenos baldios, além de carros velhos amontoados por todos os lados, entre outros fatores, todos culpa da porquice da população.

 

CATARATAS: O dia 31 de janeiro foi um dia histórico. Em 31 de janeiro de 1542, o primeiro “homem branco” chegou às Cataratas do Iguaçu, em Foz do Iguaçu. Naquele dia, há 476 anos passados, o conquistador espanhol Álvar Núñez Cabeza de Vaca chegou às Cataratas do Iguaçu. E Cabeza de Vaca descobriu acidentalmente as Cataratas, que surgiram de repente em seu caminho, quando ele, e um grupo de conquistadores, desciam o Rio Iguaçu, em uma canoa, para chegar a Assunção, capital do Paraguai.

 

OLHOS: É cada vez maior o número de crianças procurando oftalmologistas. Entre os problemas mais comuns, a miopia é o mais recorrente. Ou seja, a criança tem dificuldade para enxergar com nitidez tudo que não esteja próximo. Estudos mostram que a prevalência de miopia aumentou assustadoramente entre as pessoas com idade entre 12 e 54 anos, nas últimas três décadas.

 

Acho que os pais devem ficar atentos, pois os médicos acreditam que, além da predisposição genética, o problema está relacionado com a fadiga ocular proveniente do uso excessivo de computador, celular e outros aparelhos tecnológicos. Além disso, em função de diversos fatores, as crianças estão passando o dia em espaços restritos, tendo próximo de si o computador, a televisão, o videogame, smartphones, brinquedos e outros. Esta faltando para as crianças o contato com espaços abertos.

 

ESPAÇO ROCK: “Não é por não falar de felicidade, que eu não goste de felicidade. Não é que eu não goste de felicidade, que eu não falo em felicidade. É por falar de infelicidade, que eu não gosto de falar em felicidade” Trecho da música Não é Por Não Falar, dos Titãs.

Fotos