1 de agosto de 2022

Família descobre serragem em vez de corpo em caixão durante sepultamento de bebê

Os familiares descobriram a serragem quando abriram o caixão para colocar uma roupinha na criança

Família descobre serragem em vez de corpo em caixão durante sepultamento de bebê

Além da tristeza de ter que enterrar um filho, uma família do Paraná passou por mais uma dor na hora da despedida: ao abrirem o caixão pouco antes do sepultamento, no último sábado (30), os pais encontraram serragem em vez do corpo do bebê.

De acordo com o portal Ric Mais, o caso aconteceu na cidade de Imbaú, a cerca de 220 quilômetros da capital Curitiba. A pequena Helena era muito aguardada pelos pais, mas houve um problema durante a 24ª semana de gestação e a criança acabou morrendo ainda na barriga da mãe.

A retirada do bebê natimorto foi feita em um hospital particular de Ponta Grossa e, como Helena já estava formada, deveria ser sepultada pela família. Assim, em um pequeno caixão branco, o casal levou a filha até Imbaú, acompanhado da funerária.

Antes do sepultamento, porém, a família quis colocar uma roupa na bebê. Foi então que descobriram que, em vez do corpinho da filha, o caixão carregava apenas serragem.

“A dor de enterrar um filho já é enorme. A gente aqui esperando a Helena chegar, pra enterrar um filho. Uma dor enorme. Abrimos o caixão e só tinha serragem. Não desejo essa dor pra pai nenhum”, lamentou Eduardo Jangada, o pai de Helena.

Diante do choque e da revolta com a descoberta, a família voltou ao hospital de Ponta Grossa e encontrou o corpo do bebê no necrotério. Ainda sem informações sobre o que houve, o casal levou o corpo da criança a Imbaú, onde foi sepultado no fim da tarde. A família informou que deve entrar com ação contra o hospital.

Fonte: ND+