Siga as nossas redes sociais



EDIÇÃO IMPRESSA

jornaldafronteira sim

Colunas

Radar

13 Setembro 2018 08:25:00

"Os empreendedores falham, em média, 3,8 vezes antes do sucesso final. O que separa os bem-sucedidos dos outros é a persistência", Lisa M. Amos, executiva

 

 Visita

Esteve visitando o Jornal da Fronteira o deputado federal e candidato à reeleição, Rogério "Peninha" Mendonça (MDB), acompanhado do candidato à deputado estadual, Jerry Comper (MDB), o Jerry que era assessor do deputado Aldo Schneider, que faleceu em agosto. 

Em uma breve conversa, Peninha e Jerry avaliaram o cenário político, traçaram perspectivas e explicaram seus projetos. Peninha trabalhava em dobradinha com Aldo em eleições passadas, visitando municípios e realizando reuniões. Agora, faz os roteiros com Jerry, que demonstra a mesma motivação e contabiliza apoios fundamentais. São 22 prefeitos, sendo 15 do Alto Vale do Itajaí (região de origem), região onde o MDB é muito forte; 14 vice-prefeitos, sendo 11 do Alto Vale; 142 vereadores e 20 ex-prefeitos. Jerry do Aldo está projetando votação em pelo menos 100 municípios, concentrando sua atuação em 60 cidades catarinenses. 


Comparação

Para muitas pessoas, não está fácil escolher alguém para votar nestas eleições. Estamos a menos de 30 dias das eleições, e muitas pessoas ainda não sabem para quem votar. Por isto, nesta edição, o eleitor de Santa Catarina tem a chance de conhecer os projetos dos três primeiros colocados nas pesquisas para o governo do Estado de Santa Catarina. Mauro Mariani (MDB), Gelson Merísio (PSD) e Décio Lima (PT), são os entrevistados desta edição. Os outros serão publicados nas próximas edições.

 

Beto Richa

Se soubesse que seria preso há menos de 30 dias da eleição, será que o ex-governador do Paraná Beto Richa (PSDB), candidato ao Senado, teria se descompatibilizado do cargo em março?

Na verdade, qual teria sido seu raciocínio? Sabia que, ao se descompatibilizar, perderia o foro privilegiado, podendo ser preso se uma ação acontecesse, como aconteceu.

Entre estas perguntas, surge outra. Será que agora se elege Senador? 


Presidenciáveis

O Datafolha divulgou nesta segunda-feira, dia 10, uma nova pesquisa de intenção de voto para presidente da República. Vamos aos números:

Jair Bolsonaro (PSL): 24%; Ciro Gomes (PDT): 13%; Marina Silva (Rede): 11%; Geraldo Alckmin (PSDB): 10%; Fernando Haddad (PT): 9%; Alvaro Dias (Podemos): 3%; João Amoêdo (Novo): 3%; Henrique Meirelles (MDB): 3%; Guilherme Boulos (PSOL): 1%; Vera Lúcia (PSTU): 1%; Cabo Daciolo (Patriota): 1%; João Goulart Filho (PPL): 0%; Eymael (DC): 0%; Branco/nulos: 15%; Não sabe/não respondeu: 7%.

Margem de erro de 2% para mais ou para menos. Entrevistados: 2.804 eleitores em 197 municípios, no dia 10 de setembro. O nível de confiança da pesquisa é de 95%. Registro no TSE: BR 02376/2018. Nível de confiança: 95%. Contratantes da pesquisa: TV Globo e "Folha de S.Paulo".


Surpresas

A eleição deste ano promete grandes surpresas. 

O que o brasileiro viveu nos últimos anos, levou-o ao esgotamento político. Corrupção, prisões, decepções... E esta vacinado contra a mentira e a enganação. Podemos comprovar com a pesquisa que apontou a rejeição dos candidatos a Presidente da República, que demonstra claramente que o brasileiro está de "saco cheio" disto tudo. Todos com uma rejeição muito alta, as mais altas se comparado com outras eleições.

A mais recente pesquisa do Ibope, mostrou que segue francamente aberta a disputa pela Presidência do País. Ninguém pode afirmar que Bolsonaro (PSL) vai ganhar, ou que Haddad (PT), Marina (Rede), Alckmin (PSDB) ou Ciro Gomes (PDT) vai para o segundo turno. Nada é possível prever. 



Combate

O candidato ao governo do Paraná, João Arruda (MDB) segue batendo em Ratinho Júnior (PSD), tentado liga-lo ao ex-governador e candidato ao Senado Beto Richa. Uma tentativa de derrubar Ratinho, que segue, também firme, na liderança das pesquisas de intenções de votos.



Pronto para votação

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembleia Legislativa aprovou, nesta terça-feira, dia 11, projeto de lei dos deputados Dirceu Dresch e Luciane Carminatti, ambos do PT, que extingue a Resolução DP 90, que hoje possibilita que deputados estaduais tenham suas despesas médicas particulares pagas pelo Poder Legislativo Catarinense. Com a aprovação na comissão, a matéria já está pronta para ser votada em Plenário, cabendo ao presidente a inclusão na pauta.


Sua cidade

O projeto "O caminho da sua cidade eu conheço", do deputado estadual Marcos Vieira, candidato a reeleição pelo PSDB de Santa Catarina, que mostra de cima os 295 municípios catarinenses, em especial os mais de 180 da BR-116 até o Extremo Oeste. No site www.deputadomarcosvieira.com.br ou no facebook deputadomarcosvieira você pode ver um vídeo da sua cidade.

A intenção, segundo o deputado Marcos Vieira é mostrar o potencial de cada uma das cidades, bem como o que é necessário para que ela continue se desenvolvendo. No site ainda constam informações sobre a colonização e dados de cada município.

Dionísio Cerqueira (SC) - Barracão (PR)
(49) 3644-1724 - editoria@jornaldafronteira.com.br
História | Contato